Empreender, desatar Nós e Você?

Empreender é sair do ponto que está hoje e ir até onde você quer chegar. No caso, realizar seu sonho, um objetivo em qualquer área da sua vida.
Minha filha aprendeu a soltar pipa, sua felicidade em vê-la no ar era tanta que acabou esquecendo da linha e virou um emaranhado de nós. 

Primeiro achei que num simples puxa pra cá, puxa pra lá e em pé mesmo, tudo se alinharia. Nada feito... parecia embolar cada vez mais. Então paralisei, pensei na trabalheira, se valeria meu tempo, meu empenho? Sim. Afinal a brincadeira só continuaria se eu desatasse a montanha de fio. Sentei e comecei a pensar por onde iniciar.
Moral 1 – O medo é inimigo da ação e nos distancia do que queremos. Ok. Portanto, TUDO precisa de um plano. 
Comecei pelos nós maiores e mais perto de uma das pontas.

Percebi estar diante de um instrumento para desenvolver a paciência. Respirei e acabei dedicando bem mais de uma hora do meu dia em prol da alegria promovida pela Pipa.
Moral 2 – O imediatismo tem assolado nossa sociedade, para falar com alguém basta levantar o celular, respostas por whatsapp e e-mail precisam ser instantâneas, cada dia mais as redes sociais aprisionam o tempo dos curiosos e o bombardeio de informações tem gerado ansiedade a muitos mortais. Portanto a paciência e a tolerância precisam ser treinadas e aplicadas diariamente pra quem tem um lugar onde quer chegar.

Abri mais de 20 nós, um emaranhado assustador, seria tão mais fácil pegar uma tesoura, cortar, emendar e desistir. A irritação ia e vinha. Mantive-me firme, me desafiei a ir até o fim.
Moral 3 – Às vezes, o caminho mais curto parece ser o mais fácil, porém não rola reflexão e aprendizado, tudo tem seu tempo de acontecer e dar certo, a ansiedade só atrapalha, perdemos o centramento e qualquer motivo nos faz desistir ou parar.

Muito próxima do final, eu cansei de passar o longo fio pelo meio dos teimosos nós restantes e acreditei resolver por ali mesmo. Acabei levando muito mais tempo do que era necessário se não tivesse seguido pelo caminho da preguiça.
Moral 4 – Muitas vezes, quando estamos bem perto do final, de chegar lá, o medo, a procrastinação aparecem novamente e nos fazem desacelerar, é aí o ponto em que a maioria desiste, a um milésimo de realizar seu sonho, seu maior objetivo.

Já cansada, fiz uma pausa para o almoço e após voltei a me concentrar, analisei e parti para o plano novamente, resolvi retomar a estratégia que vinha dando certo, passar o fio mais que longo entre os minúsculos nós mais resistentes e pedi ajuda a uma amiga para não deixar o grande fio se enroscar nele próprio. Resultado: Deu Certo! Venci!!!
Moral 5 – Se está puxado demais, respira, cuida do seu templo aqui na Terra, alivia e faz algo fora da rotina, te reconecta contigo, se observa. Se estiver difícil sozinha, peça ajuda. E em hipótese nenhuma desista, persista até o final, alinhe-se com seu desejo de vencer, de chegar lá e gritar: - Eu consegui, eu sou FODA!

Se gritei? Simmm!!! E além de conseguir, tive o insight sobre tudo que escrevi aqui.

 

Please reload

Eleve sua Frequência

March 6, 2019

1/4
Please reload

Posts Recentes

August 27, 2020

July 9, 2020

June 11, 2020

June 10, 2020

Please reload

Arquivos
Please reload

Tags
Please reload

Siga-me
  • Facebook Basic Square